Mês: dezembro 2016

YouCat Online – Quem pode receber o Sacramento da Ordem?

“É admitido à Ordem do Diácono, do Presbítero e do Episcopado qualquer homem batizado e católico que a Igreja chamar a este ministério.” [177-1578]
Ninguém teria sido melhor sacerdote do que ela [Maria] foi. Ela podia ter dito sem hesitar: ‘Isto é o Meu corpo’ porque ela realmente ofereceu a Jesus o Seu próprio corpo. E, no entanto, Maria permaneceu a despretensiosa serva do Senhor, para que pudéssemos recorrer sempre a ela como nossa Mãe. Ela é uma de nós e estamos sempre unidos a ela. Depois da morte de Seu Filho, ela continuou a viver na Terra,  para fortalecer os Apóstolos no seu serviço, sendo sua mãe, até que a jovem igreja adquirisse forma.” Beata Madre Teresa.  

“A decisão de admitir apenas homens às ordens sacras não constitui uma desvalorização da mulher. Diante de Deus, o homem e a mulher têm a mesma dignidade, mas têm missões e Carismas diferentes. A Igreja vê-se induzida por Jesus ter eleito exclusivamente homens quando, na última ceia, instituiu o sacerdócio. O Papa João Palo II definiu em 1994 que a Igreja ‘não tem absolutamente a faculdade de conferir a ordenação sacerdotal  às mulheres, e que esta sentença deve ser considerada como definitiva por todos os fiéis da Igreja’ “.
“Como ninguém na Antiguidade, Jesus valorizou as mulheres de uma forma provocante, fez amizade com elas e e protegeu-as. Havia mulheres entre os Seus discípulos e Jesus apreciou a sua fé. Foi inclusivamente uma mulher as primeira testemunhas da ressurreição, pelo que Maria Madalena é chamada a ‘apóstola dos Apóstolos’. Não obstante, o sacerdócio ordenado e o ministério pastoral foram sempre transmitidos a homens. No Sacerdócio masculino a comunidade encontrar representado Jesus Cristo. A  sacerdócio é um serviço especial que o homem também exerce na sua dimensão masculina e paternal. Isto não é, porém, uma forma de submissão masculina das mulheres. As mulheres desempenham na Igreja, como vemos em Maria, um papel que não é menos central que o masculino, mas é um papel feminino. Eva tornou-se a mãe de todos os viventes (Gn 3,20); como ‘mãe de todos os viventes’ as mulheres têm dons e capacidades especiais. Sem o seu ensino, o seu anúncio e a sua caridade, a sua Espiritualidade e o seu cuidado pastoral especial, a Igreja seria ‘meia paralítica’. Sempre que os homens na Igreja usam o seu serviço sacerdotal como instrumento de poder, ou não permitem que as mulheres exerçam os seus Carismas, eles repudiam o amor e o Espírito Santo de Jesus”. 64.

E O VERBO SE FEZ CARNE…

“E o Verbo se fez carne e habitou entre nós, e vimos sua glória, a glória que o Filho Único recebe do seu Pai, cheio de graça e de verdade.” (Jo 1, 14). 

Chegamos ao fim de mais um ano, e com o fim de ano, chegamos também à comemoração do Natal de Nosso Senhor Jesus Cristo. Por tanto nos amar, o Pai enviou Seu Filho único, para que, crendo Nele, tenhamos a vida, e vida eterna (cf. Jo 3, 16). Nos dias atuais, facilmente caímos no espírito consumista que, infelizmente, acompanha e nos distrai da profunda riqueza desta época… Da profunda e assustadora realidade de um Deus que, por tanto nos amar, se faz homem como nós para a nossa Salvação. Nós, cristãos católicos, sabemos que Natal é mais do que os presentes, mais do que roupas novas. Sabemos que Natal é Jesus, o Filho de Deus que nasce para a nossa salvação. Precisamos sempre fazer memória desta Verdade, para que, expostos aos perigos de uma sociedade fria e consumista, não percamos o maior dos presentes que alguém pode receber: o Reino de Deus.

Mas, se nós, que estamos com Jesus, humanos, fracos e limitados que somos, podemos nos esquecer de tão grande amor, pensemos naqueles que ainda não experimentaram o amor de Deus, nos pequenos herdeiros que ainda não descobriram tão grande herança! Neste Natal, somos chamados a recordar e louvar a Deus por seu amor, pela encarnação do Verbo, mas, àquele que experimenta o amor de Deus, Nosso Senhor o envia. São Francisco de Assis apenas caminhava e sua vida, na simplicidade, era uma pregação, um anúncio da Palavra de Deus. Nós somos chamados a deixar que o Verbo Divino se torne carne também em nós, chamados a lutar para viver a Palavra de Deus encarnada, nos configurando a Jesus em tudo.

Dar a Jesus um lugar para Ele nascer em nosso coração é sobretudo deixar Jesus fazer de nossa vida o Evangelho vivo. Portanto, que neste Natal façamos memória do amor de Deus, mas que também possamos renovar o nosso desejo de nos configurar, em tudo, a Jesus. Assim, outros conhecerão a Salvação que veio a nós por um Menino. Um santo e feliz Natal!

RETIRO DE JOVENS!

RETIRO PARA JOVENS!

‘Torna-te modelo para os fiéis’. Tm 4, 12b

Dias 27, 28 e 29/01, no Aprisco!*
As vagas são limitadas, então, garanta já a sua!
As inscrições são por e-mail: eventospequenorebanho@gmail.com (informar: nome, telefone, idade e e-mail).

*Aprisco, nossa casa de evangelização, que fica no Bairro da Vila da Penha.
** O retiro é ‘fechado’.
*** O retiro é destinado para jovens de 16 aos 28 anos.

YouCat Online – Para um cristão católico, qual a importância do Bispo?

Um cristão católico assume o seu compromisso perante o seu Bispo, que se encontra ao seu serviço, como representante de Cristo. Para mais, o bispo, que exerce o ministério pastoral como os seus Presbíteros e Diáconos, como seus assistentes ordenados, é o princípio visível e o fundamento da Igreja local (chamada também diocese)”. [1560-1561].  

Gaudí: O legado do “arquiteto de Deus” 90 anos após sua morte

Após 90 anos de sua morte, muitos acreditam que o principal legado de Antoni Gaudí é a sua obra magna: A Sagrada Família de Barcelona (Espanha). Entretanto, o chamado “arquiteto de Deus” deixou algo muito mais transcendente e que, às vezes, passa despercebido: seu grande testemunho de fé em Jesus Cristo, que o leva a […]

O post Gaudí: O legado do “arquiteto de Deus” 90 anos após sua morte apareceu primeiro em Bíblia Católica News.

Gaudí: O legado do “arquiteto de Deus” 90 anos após sua morte

Após 90 anos de sua morte, muitos acreditam que o principal legado de Antoni Gaudí é a sua obra magna: A Sagrada Família de Barcelona (Espanha). Entretanto, o chamado “arquiteto de Deus” deixou algo muito mais transcendente e que, às vezes, passa despercebido: seu grande testemunho de fé em Jesus Cristo, que o leva a […]

O post Gaudí: O legado do “arquiteto de Deus” 90 anos após sua morte apareceu primeiro em Bíblia Católica News.