Mês: janeiro 2013

650 mil pessoas marcharam pela vida e contra o aborto nos EUA

WASHINGTON DC, 27 Jan. 13 / 04:01 pm (ACI/EWTN Noticias).- Cerca de 650 mil pessoas se congregaram nesta sexta-feira, 25, em Washington D.C.  na “Marcha pela Vida”, protestando contra a legalização do aborto nos Estados Unidos sob o lema “40 Anos = 55 milhões de bebês mortos como produto do aborto”. A marcha realizou-se no marco do […]

Cultive a vida interior – Parte I

Jesus disse que onde estiver o nosso tesouro, aí estará o nosso coração, a nossa vida. E é fácil saber qual é o nosso tesouro; pois Jesus disse também que a boca fala daquilo que está cheio o coração.
Do que você tem falado? Só de dinheiro…

Vigília Jovens Adoradores

Neste mês de fevereiro, a tradicional Vigília dos Jovens Adoradores que reúne a juventude para rezar em intercessão pela Jornada Mundial da Juventude Rio2013 vai acontecer nesta sexta-feira, dia 1º.
A decisão de adiantar a noite de oração para o primeiro final de semana do mês foi tomada em virtude da programação de Carnaval na cidade. A Igreja de Sant’Ana fica próxima aos locais da folia carioca e o acesso ao templo poderia ser mais difícil.
“O entorno do Sambódromo e do Terreirão do Samba fica fechado para o trânsito. Por isso, o acesso à Igreja de Sant’Ana fica complicado” – justificou Valdir Moreira, representante da Iniciação Cristã no setor de juventude da Arquidiocese do Rio de Janeiro. “Dom Orani e padre Renato Martins (responsável pelo Setor Juventude RJ) resolveram isso por uma questão de trânsito e de segurança”, completou.
A vigília de 1º de fevereiro terá início às 22h, com a abertura e animação dos jovens. Em seguida, às 22h30, haverá missa presidida por Dom Roque Souza. Como sempre é feito será abordado um lema de jornadas anteriores. “Enraizados e edificados em Cristo, firmes na fé” ( Col 2, 7)”, lema da JMJ de Madri, realizada em agosto de 2011 é o escolhido dos jovens para fevereiro.
Após a celebração eucarística, a comunidade Pequeno Rebanho dirige o “Momento Youcat”, dedicado ao estudo do catecismo da Igreja. A programação da noite também inclui Adoração ao Santíssimo Sacramento, com a presença dos movimentos católicos Focolares, Comunhão e Libertação, além da comunidade Shalom.
Vigília dos Jovens Adoradores acontece todos os meses (quando segue a programação regular) na segunda sexta-feira.
Os jovens de outras cidades e de várias partes do mundo podem acompanhar a transmissão ao vivo através da WebTV Redentor.

Fonte: http://www.rio2013.com/pt/noticias/detalhes/1159/vigilia-de-fevereiro-sera-adiantada-para-dia-1o

A GRAÇA DA PACIÊNCIA

Nestas últimas semanas, Deus está provando a fé e paciência de minha família, inclusive a minha! Acho que nunca rezamos tanto pelo mesmo objetivo. Supreendemos-nos com a internação de meu pai, e ainda estamos esperamos a sua recuperação, mas já entendemos que Deus quer testar nossa paciência, fé e união. Estamos pedindo à Deus, especialmente,  muita … Continuar lendo

Passos para a Cura Interior

Todos nós temos necessidade de Cura Interior… Neste meu tempo de caminho em Deus estou convencido de que um dos fatores mais importantes que precisamos viver em nossa vida é o processo de Cura Interior. Quando trilhamos este caminho de uma profunda Cura Interior vamos descobrindo as fontes dos males mais significativos que nos afligem, […]

Deus é Pai

Quarta-feira é dia de Audiência Geral. Bento XVI recebeu milhares de fiéis e peregrinos na Sala Paulo VI e em sua catequese propôs novamente a oração do Credo, neste Ano da Fé.

Em especial, o Papa refletiu sobre a primeira e fundamental definição que o Credo nos apresenta de Deus: Ele é Pai todo-poderoso, criador do céu e da terra. 

Nem sempre é fácil falar hoje de paternidade, disse o Papa. Sobretudo no mundo ocidental, as famílias desagregadas, os compromissos de trabalho sempre mais exigentes, as preocupações e frequentemente a dificuldade de enquadrar as contas familiares, a invasão dos meios de comunicação de massa são alguns dos fatores que podem impedir uma relação serena e construtiva entre pais e filhos. 

Muitas vezes a comunicação é difícil, falta confiança e a relação com a figura paterna pode se tornar problemática; e problemático se torna imaginar Deus como um pai, não tendo modelos adequados de referência. Quem teve a experiência de um pai demasiado autoritário e inflexível, ou indiferente e pouco afetuoso, ou até mesmo ausente, não é fácil pensar com serenidade a Deus como Pai e abandonar-se a Ele confiança.

Mas a revelação bíblica nos ajuda a compreender esta relação paterna. Deus é Pai porque nos escolheu e abençoou antes da criação do mundo; nos fez realmente seus filhos em Jesus; porque acompanha nossa existência, dando-nos sua Palavra, seus ensinamentos  sua graça e seu Espírito, e porque podemos confiar em seu perdão quando erramos o caminho. Ele é um Pai bom, que não abandona, mas que ampara, ajuda e salva com uma fidelidade que supera infinitamente a dos homens. Ele nos deu seu Filho para que sejamos seus filhos e nos oferece o Espírito Santo para que possamos chamá-lo «Abbá, Pai».

“Mas poderíamos nos perguntar: como é possível pensar num Deus onipotente olhando para a Cruz de Cristo?”, questiona o Papa.

Nós gostaríamos de uma onipotência divina segundo os nossos esquemas mentais e nossos desejos: um Deus “onipotente” que resolva os problemas, que nos evite qualquer dificuldade, que mude o andamento dos fatos e anule a dor. 

Mas não é assim. Sua grandeza como Pai onipotente se manifesta plenamente sobre a cruz gloriosa de seu Filho. Não é uma força arbitrária que muda o rumo dos acontecimentos, mas que se expressa na misericórdia, no perdão, no incansável chamado à conversão e numa atitude de paciência, mansidão e amor.

No final da catequese, Bento XVI fez um resumo da mesma em várias línguas, entre as quais, o português:

Queridos irmãos e irmãs, ao recitar o credo, iniciamos com estas palavras: “Creio em Deus Pai todo-poderoso”. Assim, a primeira definição fundamental da profissão de fé é que Deus é Pai. Neste sentido, se por um lado é difícil falar hoje de paternidade, devido a tantos fatores que impedem uma relação construtiva entre pais e filhos, por outro lado, a Revelação ao falar de Deus, nos ensina o que significa verdadeiramente ser pai. Deus é um Pai misericordioso, cujo amor é eterno, e que nos perdoa através do sacrifício de seu Filho, Jesus Cristo, para nos conduzir à alegria plena, que brota de sermos feitos seus filhos adotivos pela ação do Espírito Santo. Contudo, como afirmar que Deus é um Pai todo-poderoso quando se experimenta a presença do mal e do sofrimento no mundo? A onipotência de Deus não é uma força arbitrária, mas sim a força do amor, que em Jesus Cristo, morto e ressuscitado, vence o ódio, o mal, o pecado e nos abre as portas da vida eterna.

Queridos peregrinos de língua portuguesa, sede bem-vindos! Saúdo de modo particular os brasileiros vindos do Rio de Janeiro e de Brasília. Fortalecidos com a certeza de que sois filhos de Deus, anunciai Cristo crucificado e ressuscitado a todas as pessoas com quem tenhais contato, dando testemunho d’Ele através do amor a Deus e ao próximo. E desça a minha bênção sobre vós, vossas famílias e comunidades. 


Papa Bento XVI – 30/01/13 – Audiência Geral

Fonte: http://pt.radiovaticana.va/bra/Articolo.asp?c=660297

No deserto atual, até mesmo 140 caracteres do Papa são “Uma gota de orvalho”

Entrevista com Mons. Claudio Maria Celli, presidente do Pontifício Conselho para as Comunicações Sociais Jose Antonio Varela Vidal ROMA, Tuesday, 29 January 2013 (Zenit.org). Na semana passada Bento XVI apresentou ao mundo a sua Mensagem para o Dia Mundial das comunicações sociais, que será celebrado no dia 12 de maio, com o tema: “Redes Sociais: […]

Série Espiritualidade: “Regra de São Bento”

Capítulo 6 – Do silêncio 1. Façamos o que diz o profeta: “Eu disse, guardarei os meus caminhos para que não peque pela língua: pus uma guarda à minha boca: emudeci, humilhei-me e calei as coisas boas”. 2. Aqui mostra o Profeta que, se, às vezes, se devem calar mesmo as boas conversas, por causa do … Continuar lendo

Ante censura, gestor da fanpage Memes Católicos esclarece que não transgrediu políticas do Facebook

LIMA, 29 Jan. 13 / 09:42 am (ACI).- O criador da página Memes Católicos em espanhol, censurada dias atrás pelo Facebook, declarou ao grupo ACI que nunca transgrediu as políticas desta rede social e lamentou que tenham censurado seu espaço evangelizador. A denúncia do fechamento do fanpage católico, feita pela agência ACI Prensa, do grupo ACI, foi […]